A construção da ponte


Por Jackson Rangel

 

Toda obra exige cronograma, tempo e dinheiro (vice-versa) para ser concluída . Numa cidade fora deste planeta, duas tribos desejavam compartilhar suas culturas, mas um abismo impedia qualquer contato entre um lado e outro. Impossível aquelas pessoas se interagirem corpo a corpo.

A curiosidade instigava uma providência. Quanto mais se viam, mais desejo de se conectar. Uma das tribos fez a proposta de construir uma ponte, ligando os dois lados e, assim, a unificação dos gêneros e o fim do sofrimento sentimental. A proposta era de cada uma construir metade em tempo determinado. A metade se encontrando com a outra metade.

A proposta, imediatamente, fora aceita. O entusiasmo tomara conta das almas separadas. O trabalho começara em ritmo frenético. Um problema. Apenas uma parte cumprira o cronograma, até a metade. A outra, nem começara. Era inevitável o questionamento, por quê? Um minuto de silêncio.

– Aqui, temos força de vontade, porém ninguém de coragem. Achávamos ser possível. Contudo, só de ver, nos fez perecer o coração. O que melhor sabemos de adestramento é devorar animais e a nós mesmos.

O outro lado estupefato, em pressa desenfreada, demoliu e ampliou o abismo. E nunca mais aquelas gentes se viram.

 

Publicado por

Jackson Rangel

Jackson Rangel Vieira, brasileiro, natural de Guaçui, Espírito Santo, com raiz em Cachoeiro de Itapemirim. Jornalista, nascido em 1963, combativo, responsável por produção de notícias e artigos. Analista político. Evangelista. Advogado, casado com Cristiane Feu Rangel Vieira. Dois filhos: Jackson Rangel Vieira Júnior e Nayara Tristão Vieira. A Bíblia é sua regra de conduta e fé.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.