WhatSap criptografado decreta fim das uniões tradicionais com velocidade imensurável


whatsapp-app-630

O novo aplicativo de criptografar, anunciado hoje (05) das conversas entre duas pessoas no WhatsAp tem o aspecto da segurança,em favor do Facebook que deve um dos diretores presos recentemente por não obedecer ordem judicial de abrir o banco de dados do messenger, mas serve com mais presteza para ocultar traições e adultérios que aumentarão sobremaneira o que já estava estratosférico.

Agora, duas pessoas cansadas da rotina do casamento tradicional, impelidos pela magia ilusionista das redes sociais, podem praticar com mais facilidade o hedonismo mais célere e rotativo do que registra a história, muito além do imaginário de Sodoma e Gomorra. A nova geração, a partir dessa primeira invenção protetória, o prazer ilícito pode ser praticado com impunidade social e sem maior peso da culpa.

Estamos perto do Armagedom. Não no sentido estrito da religião. Mas, da luta já perdida com a velha criatura, sem compromisso com o matrimônio e a já avacalhada promessa “até que a morte nos separe”.  Agora, é melhor trocar o compromisso em palavras no altar por “Até que o WhaTsAp nos separe”.

Publicado por

Jackson Rangel

Jackson Rangel Vieira, brasileiro, natural de Guaçui, Espírito Santo, com raiz em Cachoeiro de Itapemirim. Jornalista, nascido em 1963, combativo, responsável por produção de notícias e artigos. Analista político. Evangelista. Advogado, casado com Cristiane Feu Rangel Vieira. Dois filhos: Jackson Rangel Vieira Júnior e Nayara Tristão Vieira. A Bíblia é sua regra de conduta e fé.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.