Vargem Alta virou a “Casa da Mãe Joana” e uma “Torre de Babel”. Muita putaria!


6r8k9R_665_
João Altoé tem sido uma decepção como atual gestor

Esperava-se muito do prefeito João Altoé (PSDB), professor, primeiro prefeito da emancipação nos anos 80. Contudo, hoje, percebe-se sua fraqueza como homem público, transformando Vargem Alta-ES numa “casa de orgia” com política públicas comandadas por forças externas.

Não bastasse o Ministério Público alvejar secretários com histórico de improbidades, como Altair Franco, nomeado Secretário de Administração, mas operador de fraudes por meio dos seus postos de gasolinas, sem mencionar sua manipulação como agiota influente na serra.

João Altoé virou nas mãos de políticos locais, aliados e adversários, uma “rainha da Inglaterra”, fantoche, um governante que deve deixar o Município no fundo do poço. Uma cidade promissora na área do turismo, principalmente, retroage à estagnação.

Não chegou ao estágio de anarquismo, mas já se faz uma boa “putaria” com o dinheiro público.

Publicado por

Jackson Rangel

Jackson Rangel Vieira, brasileiro, natural de Guaçui, Espírito Santo, com raiz em Cachoeiro de Itapemirim. Jornalista, nascido em 1963, combativo, responsável por produção de notícias e artigos. Analista político. Evangelista. Advogado, casado com Cristiane Feu Rangel Vieira. Dois filhos: Jackson Rangel Vieira Júnior e Nayara Tristão Vieira. A Bíblia é sua regra de conduta e fé.

2 comentários em “Vargem Alta virou a “Casa da Mãe Joana” e uma “Torre de Babel”. Muita putaria!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.