Prefeito Victor Coelho representa o início de um novo ciclo político neo-moderno


TYTUFXTXLYT2017092615090826092017
Diogo Lube é uma liderança promissora no cenário que se inicia da nova geração

A eleição do prefeito Victor Coelho (PSB) deu corte no tempo, colocando fim do ciclo político analógico. Representa o começo de um novo ciclo de política reciclável independente das cores partidárias, de aliados ou adversários.

A partir de agora, com sua possível reeleição ou não, a nova safra de políticos socialistas ou liberais, conservadores ou progressistas, está habilitada na alternância de poder.

Pôs fim aos tempos semi-automáticos dos ex-prefeitos Theodorico Ferraço, José Tasso e Roberto Valadão, os últimos líderes de massa que se revesaram na politica cachoeirense.

A composição da nova geração de políticos está em aberto, podendo ser citado como uma das possibilidades o vereador Diogo Lube (PDT), representando uma esquerda formuladora e inteligente.

Lideranças de centro podem surgir do seio nativo da linhagem projetada pelo prefeito Victor Coelho. O certo é que, como Democratas e Republicanos, haverão trocas cíclicas de nomes no comando do Município.

 

Publicado por

Jackson Rangel

Jackson Rangel Vieira é Jornalista investigativo, analítico e opinativo no Espírito Santo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.