Renato Casagrande na vantagem em movimentação política de lideranças


Foto Casagrande
Casagrande é beneficiário das possíveis múltiplas candidaturas ao Governo do Estado

Na teoria do caos, sempre existe uma ordem. O ex-governador Renato Casagrande (PSB), mesmo não sendo mineiro, vem comendo quieto pela beiradas e sentido espiral. Todas as movimentações até agora, pré-convencionais, favorecem o socialista.

Com a saída do ícone do PSDB até bom tempo, Luiz Paulo, para o PPS; e a possível pré-candidatura ao Governo do Estado do prefeito tucano de Vila Velha, Max Filho, significa esvaziamento completo do partido, o que se chama de implosão partidária.

A outra mexida no tabuleiro eleitoral das eleições de 2016 que abalou as estruturas do Palácio Anchieta foi a decisão da senadora Rose de Freitas se lançar pré-candidata para desagrado do governador Paulo Hartung, ambo do mesmo partido, o MDB.

Alguns deputados, aos poucos, vem demonstrando ceticismo sobre o projeto do governador que está tendo muita dor de cabeça, sem mencionar o DEM com o seu arqui-inimigo, Theodorico Ferraço e esposa Norma Ayub, remando contra.

Outro fator que chama atenção é a indiferença ou invisibilidade do senador Ricardo Ferraço (PSDB) no grupo de PH. Tudo leva a crer que está esperando as águas de março para criar convicções. Ele já sofre da síndrome da traição “hartunguista” que investe no deputado Amaro Neto (PSD) para o Senado.

Além de tudo mencionado, existe um sentimento no mercado político de cunho sociológico. Muitos atores querem ter o prazer de se vingar do governador da maldades dele em momentos de impotência dos oprimidos pela sua política impositiva.

Enquanto isso, sem tantos quebra-molas, Casagrande circula pelo Estado dialogando com a sociedade.

Publicado por

Jackson Rangel

Jackson Rangel Vieira, brasileiro, natural de Guaçui, Espírito Santo, com raiz em Cachoeiro de Itapemirim. Jornalista, nascido em 1963, combativo, responsável por produção de notícias e artigos. Analista político. Evangelista. Advogado, casado com Cristiane Feu Rangel Vieira. Dois filhos: Jackson Rangel Vieira Júnior e Nayara Tristão Vieira. A Bíblia é sua regra de conduta e fé.

Um comentário em “Renato Casagrande na vantagem em movimentação política de lideranças

  1. Com certeza o Casagrande vai ser uma pedra no sapato do PH, esse atual governo até agora não disse para que veio.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.