Políticos abandonam em massa grupos de WatSapp após resultados das eleições


twitter-292994_960_720

Enquanto durou a campanha eleitoral estava ativa, os políticos de várias bandeiras disputavam para ingressar nos grupos de WatSapp da sua cidade ou do Estado.

Solicitavam aos administradores que os incluíssem no aplicativo para propagar as suas candidaturas até mesmo extemporaneamente. A

Terminado o pleito no domingo (7), no Espírito Santo, por exemplo, os eleitos deixaram o agradecimento e se despediram, alguns, até justificando sobrecarga  nos seus celulares. Abandonaram até seus perfis e fanpages no facebook e no instagram.

A verdade é que o aplicativo serviu de plataforma de divulgação das candidaturas para impulsionar visibilidade sem interesse além de manutenção de permanência com dialogo com a sociedade pelas redes sociais, talvez, com receios de cobranças diretas.

E a debandada continuará. Muitos até trocaram os números dos seus celulares.

Publicado por

Jackson Rangel

Jackson Rangel Vieira, brasileiro, natural de Guaçui, Espírito Santo, com raiz em Cachoeiro de Itapemirim. Jornalista, nascido em 1963, combativo, responsável por produção de notícias e artigos. Analista político. Evangelista. Advogado, casado com Cristiane Feu Rangel Vieira. Dois filhos: Jackson Rangel Vieira Júnior e Nayara Tristão Vieira. A Bíblia é sua regra de conduta e fé.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.